Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in posts
Search in pages

ABRH-SP moderniza site e lança rede social para a comunidade de RH

INSTITUCIONAL: ABRH-SP moderniza site e lança rede social para a comunidade de RH

01.04.2012

Nesta semana, entra no ar o novo site da ABRH-SP. Mais moderno e com novo design, o site amplia a divulgação das principais atividades da associação, facilita a comunicação entre todos os públicos e oferece maior visibilidade a patrocinadores e apoiadores de gestão da entidade.

“Queremos que o novo site seja uma referência para a comunidade de Recursos Humanos e também uma maneira de se aproximar da população mais jovem”, resume a diretora da ABRH-SP responsável pelo novo projeto de comunicação da entidade, Eliane Aere, que destaca outra característica do site: a simplicidade que o visitante encontra para navegar e se associar à ABRH-SP, se for o caso.

Paralelamente à modernização do site, foi criada uma rede social própria, cujo objetivo é integrar a comunidade de RH. Batizada de People – O RH Conectado, a rede é destinada, inicialmente, aos associados pagantes. Seus principais objetivos são: modernizar a comunicação, atrair o público jovem, ampliar os debates através de fóruns de discussão, propiciar a integração entre os grupos de estudos e associados, e integrar as regionais às ações realizadas pela sede, além de disponibilizar o acesso a conteúdos a quem está distante da capital paulista.

Na rede social, haverá espaço para a criação de comunidades e o compartilhamento de fotos e vídeos. Também será formatada uma rede específica para que os integrantes dos conselhos Deliberativo e Fiscal possam trocar informações. “A rede social vai trazer uma dinâmica muito importante para a comunidade de RH”, avalia Eliane. Já para o presidente da ABRH-SP, Wagner Brunini, o objetivo de todas essas inovações é “gerar atratividade de conexão”.

Página no Estadão

Como o leitor pode observar, a página da ABRH-SP no Estadão da mesma forma passou por mudanças. Para tornar a publicação mais leve e dinâmica, foram feitas leves alterações no layout. Outra inovação importante é a troca de nome da página, que agora passa a se chamar simplesmente Gestão de Pessoas, para atingir um público mais abrangente, e não mais Recursos Humanos & Gestão de Pessoas.

INDICADORES 25/03

INDICADORES

 25.03.2012

  • O Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) injetou R$ 94,4 bilhões na economia em 2011, sendo R$ 56,7 bilhões em saques e R$ 37,7 bilhões em financiamentos em habitação, saneamento básico e infraestrutura urbana.

  • As 34 milhões de operações de saques somaram R$ 56,7 bilhões – 15,5% mais do que em 2010. Deste total, R$ 7,6 bilhões foram usados por cotistas do fundo para quitar, comprar ou reformar a casa própria.

  • Mesmo com o aumento dos saques, o FGTS teve, no ano passado, um crescimento de 16,9% em relação a 2010. Em 2011, a arrecadação bruta foi de R$ 72,2 bilhões, o que propiciou uma arrecadação líquida, também recorde, de R$ 14,6 bilhões, 22,7% maior que em 2010.

  • O aumento se deve ao ritmo de formalização do mercado de trabalho. No ano passado, foram abertas 2,3 milhões de contas vinculadas do Fundo, elevando o número de trabalhadores beneficiados de 32,5 milhões para 34,8 milhões.

  • No ano passado foi possível, pela primeira vez, o saque por trabalhadores brasileiros residentes nos Estados Unidos e Japão, que sacaram R$ 7,1 milhões. A partir de maio, trabalhadores residentes na Europa também poderão sacar o benefício sem precisar se deslocar ao Brasil.


CONARH: Programação do congresso aposta nos grandes temas da gestão de pessoas

CONARH: Programação do congresso aposta nos grandes temas da gestão de pessoas

Evento realizado pela ABRH-Nacional com a correalização da ABRH-SP, o CONARH ABRH 2012 – 38º Congresso Nacional sobre Gestão de Pessoas, que vai acontecer de 13 a 16 de agosto, no Transamerica Expo Center, em São Paulo, terá como tema central Acelerar para Competitividade: O desafio humano. A partir desse ponto de partida, serão desdobrados os chamados grandes temas que darão origem às palestras, aos fóruns e debates que compõem o maior evento de gestão de pessoas da América Latina.

Neste ano, o comitê temático do CONARH foi dividido em grupos que têm trabalhado na construção da programação a partir dos seguintes grandes temas: Atração, Retenção e Engajamento; Treinamento e Desenvolvimento; Inovação em Gestão de Pessoas; Qualidade de Vida, Salário, Benefícios, Flexibilidade no horário de trabalho; Liderança; e Sustentabilidade.

Com a ajuda de integrantes do comitê temático do congresso, veja, a seguir, o que as palestras dos grandes temas irão abordar.

Atração, Retenção e Engajamento – Como explica Sara Behmer, CEO da Voyer International, as palestras vão apresentar novas abordagens nos processos de seleção que podem ajudar o RH a ter maior sucesso na sua empreitada, a exemplo de algumas ciências, como a Antropologia, a Sociologia e a Psicologia, que têm muito a contribuir na gestão do capital intelectual. “Outro ponto”, lembra Sara, “é a evolução da tecnologia, que oferece recursos inovadores quando o assunto é conectar pessoas”.

Inovação em Gestão de Pessoas – Serão levadas três facetas da inovação para o público, de acordo com Antonio Salvador, vice-presidente de RH da HP do Brasil. “A primeira, as alternativas de modelo em que RH pode atuar para fomentar a inovação na empresa. Outro aspecto é o tecnológico, até porque é difícil falar de inovação sem falar de tecnologia, notadamente as mídias sociais. E o terceiro refere-se aos jovens inovadores: a área de RH atrai esses profissionais? Quais são os bloqueios da área para a inovação? Nesse sentido, vamos levar ao público a visão do novo, dos jovens da geração Y, de jovens executivos.”

 

Treinamento e Desenvolvimento – “Nossa proposta é atualizar o binômio Treinamento e Desenvolvimento, redefinindo-o como Educação produtiva & Desempenho competitivo. Afinal, a educação é a mola mestra do destino do país e a estratégia de investimento nas organizações. Educação é transformação na sociedade produtiva. O capital humano é o diferencial competitivo que obtém excelência quando processos de aprendizagem são aplicados para reduzir o gap entre demanda de competências e resultado, num esforço corretamente dirigido”, resume o diretor da Change Consultoria Luiz Augusto Costa Leite.

 

Qualidade de vida… – “Vamos discutir formas de garantir a produtividade em equilíbrio com o nível de qualidade de vida no contexto contemporâneo. A mobilidade e a flexibilidade podem ser ferramentas importantes, mas não adequadas a todos os tipos de empresa, devido à natureza de cada uma”, explica Eduardo Mezei, gerente de RH da Divisão América Latina e Caribe da FedEx Express, que acrescenta: “O debate será em torno do binômio qualidade de vida-produtividade, de como o RH pode trabalhar e atingir um equilíbrio entre esses dois expoentes”.

Liderança – Segundo o vice-presidente de Pessoas e Organização da Braskem, Marcelo Arantes, a proposta é provocar uma reflexão sobre qual é o novo líder que o país precisa ter neste novo momento. “Vamos entender melhor que este novo líder deve ter propósito e pensar além da sua organização. Adicionalmente, iremos conhecer cases de profissionais de RH que vêm fazendo a diferença na formação de novos líderes e de empresas que tenham um bom planejamento de formação de líderes jovens e maduros.”

Sustentabilidade – “Queremos levantar algumas provocações no congresso, entre elas a de que garantir hoje que o futuro continue a existir é uma responsabilidade de todos e parte do que os stakeholders exigem como valor da empresa. É vital que RH entenda a importância disso e o seu papel crucial na gestão dos novos desafios, até por ser a área mais preparada em termos de competências para gerar mudança de atitude”, resume a consultora Andrea Huggard-Caine. “Antes disso, porém, RH precisa acordar para o mundo, despertar para o poder de influência que tem em mãos; e ter a coragem de assumi-lo e de se expor.”

 

Mais informações: www.conarh.com.br


CORHALE tem novo Coordenador

CORHALE tem novo Coordenador

Na eentrevista a seguir, o novo coordenador do Corhale (Comitê RH de Apoio Legislativo) vinculado à ABRH-SP, Carlos Silva, fala sobre as atividades do grupo em 2012. Silva também atua como diretor Jurídico da entidade.

CARLOS SILVA

JRH – Qual o balanço das realizações do Corhale em 2011?

CS – O intenso trabalho realizado voluntariamente promoveu a consolidação do modelo de atuação do Comitê e o projetou efetivamente no cenário legislativo nacional, tendo os representantes da Ágere, empresa que assessora a ABRH junto aos parlamentares em Brasília, registrado em reunião que, atualmente, as Notas Técnicas elaboradas pelos membros do Corhale são muito bem recepcionadas pelos deputados e senadores, e todas elas foram efetivamente aceitas, consideradas e utilizadas no desenrolar do processo legislativo federal.

JRH – Quais devem ser as principais atividades do grupo em 2012?

CS – As ações e atividades do Corhale para 2012 já estão traçadas e, além da continuidade dos trabalhos relacionados à elaboração de Notas Técnicas para assessorar os parlamentares no processo legislativo, buscaremos: envolver mais profissionais, entidades e grupos informais de RH; repetir a participação no CONARH; efetivar o envolvimento das Seccionais e Regionais; realizar o evento Panorama Legislativo Trabalhista, além de fóruns de debates; aperfeiçoar a nossa estrutura; e elaborar projeto de lei sobre assunto de maior interesse na gestão de pessoas.

JRH – Que desafios representa a coordenação do Corhale?

CS – Minha sugestão era no sentido de que o dr. Wolnei Tadeu Ferreira permanecesse na coordenação. Todavia, ele reiterou o desejo de transmitir a função e permanecer ativo como integrante do grupo. Os membros do Comitê indicaram-me para assumir a coordenação. Cada membro tem preparo, experiência e conhecimentos legais suficientes e teria plenas condições de assumir o comando, por isso, fiquei lisonjeado e honrado com a indicação e aprovação unânime. Os desafios do Corhale são extensivos a todos os seus integrantes. Ao coordenador, cabe direcionar as ações para que fluam dentro das expectativas técnicas e prazos.

TEMAS EM DEBATE: Educação Financeira: benefício que potencializa outros benefícios

TEMAS EM DEBATE: Educação Financeira: benefício que potencializa outros benefícios

Investir em educação financeira é mais que uma questão de responsabilidade social para as empresas: é estratégico para os negócios. A afirmação é de André Massaro, que esteve na ABRH-SP na quinta passada para falar sobre o assunto. Economista e administrador, Massaro é fundador da MoneyFit, empresa dedicada à educação financeira, escritor e colaborador de veículos como Exame e Você S.A.

Para ele, problemas causados por uma deficiente educação financeira de funcionários têm impactado diretamente nos resultados dos empregadores. “O chamado estresse financeiro é hoje uma das maiores fontes de angústia. No entanto, a grande maioria dos chamados problemas financeiros são, na verdade, comportamentais. Ao analisarmos os dados sobre o endividamento e a inadimplência de famílias no Brasil, fenômeno mais ou menos recente, isso fica claro”, afirmou.

As mudanças econômicas deixaram o crédito mais acessível e produziram um consumidor imaturo. Ao mesmo tempo, há trabalho para uma mão de obra escassa, obrigando as empresas a usarem estratégias novas e mais agressivas de retenção de pessoal. Como a empresa é o agente social que tem mais condições e influência para atuar na educação de adultos, o palestrante acredita que ela deva ser a grande disseminadora da educação financeira. “É investimento com retorno garantido por ser um verdadeiro meta-beneficio, que potencializa e transforma outros benefícios”, concluiu.


Entra em vigor lei que cria a Empresa Individual de Responsabilidade Limitada

No dia 9 de janeiro, entrou em vigor a Lei 12.441/11, que cria a Empresa Individual de Responsabilidade Limitada (Eireli). Pela lei, os brasileiros poderão abrir empresas individuais, sem necessidade de comprometer seus bens pessoais, para pagamento de dívidas, por exemplo. Trata-se de uma nova modalidade de pessoa jurídica de direito privado.

Hoje, o Código Civil dispõe apenas sobre a figura do microempreendedor individual (MEI), que, diferentemente da empresa individual limitada, responde com seu patrimônio pessoal por eventuais compromissos decorrentes da atividade empresarial. O caráter de responsabilidade limitada é atualmente restrito às sociedades formadas por duas ou mais pessoas.

Grupos de Estudo também se destacaram na Baixada Santista

Assim como aconteceu em São Paulo e em Campinas, os Grupos de Estudo também foram uma das principais atividades da Regional Baixada Santista da ABRH-SP.

Criado neste ano, o grupo de Novas Tecnologias de Convivência, que teve como facilitadoras Cláudia Rodrigues e Silene Formolaro, realizou oito encontros ao longo do ano. Já o grupo de Coaching, liderado pelas facilitadoras Nadir Paes, Lena Almeida e Adriana Bortolin, promoveu onze encontros. No total, dezessete pessoas participaram dos grupos, sendo que algumas delas integraram os dois.

Em seus últimos encontros, os grupos utilizaram a Investigação Apreciativa, ferramenta estudada no grupo de Novas Tecnologias de Convivência, como metodologia. Para os participantes, a experiência de estudar juntos foi rica e prazerosa e a circulação de saberes, energia e comprometimento dará impulso para a continuidade das atividades em 2012.

“Com toda convicção, estamos levando na bagagem um aprendizado significativo e a certeza de que conviver, construir e compartilhar conhecimentos abre fronteiras internas e externas”, foi a conclusão dos integrantes.

“A proposta, em 2012, é continuar esse exercício de troca com mais um grupo, com o tema RH Estratégico, que permitirá aos participantes conhecer e trocar informações sobre as estratégias do RH em Recrutamento e Seleção, Treinamento e Desenvolvimento, Liderança e Benefícios, entre outros”, antecipa a também diretora dos Grupos de Estudo da Baixada Santista, Lena Almeida.

Mais Benefícios aos Associados

Associação vive, atualmente, um momento de crescimento sustentável que tem possibilitado a ampliação dos benefícios para os associados tanto da capital quanto do interior.

 

  • 40% de desconto no Congresso Nacional de Recursos Humanos – CONARH
  • Até 30% de desconto em Cursos/Seminários/Workshops realizados pela ABRH-SP
  • Até 20% de desconto em Cursos/Seminários/Workshops realizados por parceiros e promovidos/apoiados pela ABRH-SP
  • 15% de desconto nos cursos de RH realizados pela Integração Consultoria e Treinamento
  • 5% de desconto no curso MBA-RH da FIA-USP
  • 10% de desconto na locação e 15% na compra de Vídeos de Treinamento da Siamar
  • 30% de desconto na compra de livros da Editora Qualitymark
  • 25% de desconto na compra de livros da Editora Gente
  • 25% de desconto na compra de livros da Editora Central de Negócios
  • Assinatura gratuita do Guia Brasileiro de Recursos Humanos
  • Assinatura gratuita da Revista Profissional & Negócios
  • Assinatura gratuita da Revista Presstem (Revista Trimestral)
  • Assinatura gratuita da Revista T&D
  • 30% de desconto na assinatura da Revista Ser Mais
  • 50% de desconto na assinatura da Revista Melhor
  • 15% de desconto nos cursos de Pós Graduação Lato-Sensu Especialização oferecidos pela FGV em Campinas, Jundiaí e Limeira

Reserve na sua agenda do primeiro semestre

Reserve na sua agenda do primeiro semestre

A ABRH-SP já fechou uma série de eventos que serão realizados na sede até junho. Veja a programação e reserve um lugar na sua agenda:

TEMA

PALESTRANTE

DATA

HORÁRIO

Educação Financeira: Um meta benefício

André Massaro

22/março

9h às 12h

Time de Alta Performance: Trabalho e liderança

Gastão Englert

12/abril

14h às 17h

A Importância do Sorriso na Vida de Qualidade

Silney Beraldo

26/abril

9h às 12h

Quebra de script: Uma incrível história de reinvenção pessoal

Thomaz Magalhães

17/maio

14h às 17h

Coaching de Resultados: Líderes e equipes de alto rendimento

Suzy Fleury

28/junho

9h às 12h

 













Inscrições: (11) 5505-0545 ou eventos@abrhsp.org.br

{module compartilhar}

Excelente ambiente de trabalho gera melhores resultados

CEO do Great Place to Work, Ruy Shiozawa apresentou na última quarta, na ABRH-SP, o estudo Impacto do Excelente Ambiente de Trabalho nos Resultados de Negócio. Baseado nas pesquisas realizadas pelo Great Place to Work há mais de 20 anos em 46 países, com mais de 6 mil empresas e 10 milhões de colaboradores, o estudo comprova que um excelente lugar para trabalhar é bom para todos.

Segundo Shiozawa, as pessoas trabalham mais contentes, motivadas e dão o melhor de si, e as empresas ganham porque são mais produtivas, rentáveis e têm melhores resultados financeiros. Além disso, naturalmente atraem e retêm seus talentos, apresentam índices menores de afastamento, consequentemente menores despesas médicas, e são consideradas organizações éticas, que têm um compromisso social autêntico e legítimo.

“Trabalhar em um lugar assim traz resultados positivos também para a sociedade como um todo”, destacou o palestrante. Quando a pessoa sai da empresa, ela não tira uma fantasia. Ao contrário, mantém os mesmos valores e isso tem um impacto multiplicador na sociedade.

Ainda de acordo com Shiozawa, o roteiro para construir um bom ambiente de trabalho passa pela medição (por meio de pesquisas com os funcionários), pelo entendimento dos relatórios e análises, e pela ação, que compreende um plano de ação para melhoria do ambiente, a execução do plano, o desenvolvimento de lideranças e até o coaching para alguns colaboradores. “O mais importante é entender que este não é um tema de RH, mas da empresa inteira”, alertou.

Foi dada a largada para o 15° Top of Mind Estadão de RH

Foi dada a largada para o 15° Top of Mind Estadão de RH

  • Em 2011, o número total de empregos com carteira assinada teve um aumento de 5,41%, quando o Brasil criou 1.944.560 postos de trabalho, de acordo com o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged). O saldo positivo foi o segundo maior da série histórica iniciada em 2003. No período (2003-2011), foram criados 17,3 milhões de postos de trabalho celetistas.
  • As informações por atividade econômica mostram expansão generalizada do emprego: o setor de serviços gerou 925 mil postos (6,43%); o comércio, 452 mil (5,61%); a construção civil, 222 mil (8,78%); a indústria de transformação, 215 mil (2,69%); a agricultura, 82 mil (5,54%); e a mineração, 19 mil postos (10,33%). A expansão também se deu em todas as regiões, com 1 milhão de novas vagas no Sudeste
  • Os salários médios de admissão em 2011 registraram um aumento real (descontada a inflação) de 3,12% em relação a 2010, passando de R$ 888,89 para R$ 916,63. Os estados com os maiores salários médios de admissão foram São Paulo (R$ 1.129,41) e Rio de Janeiro (R$ 1.030,69).
  • Em relação ao grau de escolaridade, o maior crescimento do salário médio de admissão foi registrado entre os trabalhadores com 5ª ano completo do fundamental, com aumento de 4,12% e o salário passando de R$ 736,57 em 2010 para R$ 766,88. Já o menor crescimento foi entre os trabalhadores com ensino médio incompleto, com variação de 1,85%.

 

MATÉRIA 4

ESPAÇO DA FÊNIX

Foi dada a largada para o 15° Top of Mind Estadão de RH

O ano de 2012 começa cheio de novidades para o Top of Mind Estadão de RH. Sem perder tempo, a primeira fase que classifica os mais lembrados se iniciou no dia 16 de janeiro e vai até 30 de março.

Neste ano, as 12 categorias de profissionais do Oscar do RH foram desmembradas em: Empresas com Práticas Reconhecidas em Responsabilidade Social, Gestão de Pessoas, Programas de Benefícios, Educação Corporativa/E-Learning, Uso de Tecnologia na Gestão de RH, Promoção de Saúde e Programas de Retenção de Talentos; e Profisisonais com as seguintes divisões: Profissional de vendas – empresa fornecedora, Empresário de destaque – empresa fornecedora, Dirigente de RH, Empresário de destaque em RH e Jovem Talento de RH.

Fique atento às novidades do próximo Top of Mind Estadão de RH, pois ao longo do ano serão apresentadas ainda mais surpresas. Entre elas está o Guia Top5, um material com informações de todas as empresas e profissionais indicados que orientarão o Colégio Eleitoral e os participantes do CONARH ABRH na votação dos indicados de cada categoria.

A festa para celebrar os Top5 acontecerá no dia 28/06 e a grande festa de premiação, no 18/10. A votação começou. Quem serão os indicados? Em maio a lista completa será divulgada. Para acompanhar tudo o que acontece nesta 15ª edição, acesse www.topofmindrh.com.br.


Alianças educacionais ampliam os benefícios dos associados

Alianças educacionais ampliam os benefícios dos associados

Com o propósito de reforçar sua missão de contribuir para a evolução da gestão de pessoas nas organizações, a ABRH-SP fechou novas parcerias com renomadas instituições e renovou alianças tradicionais, que irão gerar a seus associados diferentes oportunidades de desenvolvimento profissional. B.I. International, Fundação Getulio Vargas, Instituto Brasileiro de Governança Corporativa, Fundação Instituto de Administração (FIA/USP) são alguns dos novos parceiros da entidade, sem contar aqueles fechados pelo programa de vantagens Clube do RH. “Os descontos nos valores dos cursos, por exemplo, transformam-se numa vantagem adicional em ser associado e no reconhecimento que estas instituições de ensino conferem à ABRH e seus integrantes no campo profissional”, avalia o diretor da Associação Donizetti Moretti.

Veja o que as alianças vão oferecer aos associados:

B.I. International – Parceira de grandes business schools nos Estados Unidos e na China, a B.I. International estabeleceu um acordo com a ABRH-SP para conjugar experiências técnico-participativas, visando ao desenvolvimento profissional dos associados da entidade, que terão desconto de 20% para o MBA Internacional e Executive MBA e de 15% para o Master e Post MBA.

Clube do RH da ABRH-SP – Lançado em 2010, o Clube do RH da ABRH-SP é mais um benefício que os associados da entidade (pessoa física e pessoa jurídica) podem desfrutar. O programa de vantagens e cartão de identificação dá acesso a uma série de ofertas, como descontos em livrarias, equipamentos de informática, vídeos de treinamento, hotéis, viagens e na aquisição de eletroeletrônicos, entre outros. Responsável pela manutenção do programa em conjunto com a ABRH-SP, a E-Mind Soluções apresenta, como novidades deste ano, as parcerias fechadas com a escola de idiomas Yázigi e a Intelecta (de cursos por correio), com o corretor de financiamento on-line Canal do Crédito, que compara as taxas de juros cobradas pelos bancos em financiamentos, com a rede de lojas Fast Shop e a loja virtual Coisas Geniais.com.br.



Fundação Getulio Vargas (FGV/SP) –
Pela já tradicional parceria, os associados da ABRH-SP  têm 10% de desconto na matrícula dos cursos de pós-graduação latu sensu da FGV. Entre eles: Master em Liderança e Gestão de Pessoas, Administração de Empresas, Gestão Empresarial, Gestão Estratégica de Negócios e Master em Gestão de Sustentabilidade. Os cursos são direcionados a profissionais graduados nas mais diferentes áreas do saber que queiram ampliar sua formação e aperfeiçoar seus conhecimentos.

Fundação Instituto de Administração (FIA/USP) – Referência em educação, consultoria e pesquisa, a escola de negócios oferece 5% de desconto no seu curso MBA-Recursos Humanos para os associados da ABRH-SP. Com carga horária de 600 horas e duração de 17 meses, o curso está com o processo seletivo aberto até 10 de fevereiro.

Instituto Brasileiro de Governança Corporativa (IBGC) – Pela parceria, a ABRH-SP e o IBGC se comprometem a atuar em conjunto para a realização de cursos e palestras que se destinarão aos associados de ambos, além de executarem, no futuro, outros planos de ação. Inicialmente, está prevista a realização de curso de Governança Corporativa para os conselheiros e associados da ABRH-SP; a divulgação dos cursos e palestras do IBGC para os associados da ABRH-SP; e a divulgação dos cursos do IBGC no site da ABRH-SP.


Depoimentos

“A ABRH-SP atua como uma verdadeira usina geradora de inovações ao promover o compartilhamento de boas práticas de gestão e conceitos de RH entre os associados. Para nós da Sanofi, este trabalho é de enorme valor, pois nos ajuda a posicionar o RH de forma estratégica dentro da companhia.”
Pedro Pittella – Empresa SANOFIHead of Human Resources Sanofi Group Brazil
"Fazer parte da ABRH-SP está sendo muito bom, pois trouxe a oportunidade de acompanhar as novidades e trocar experiências com diversos executivos de RH, isto traz muito valor agregado"
Marcos Sousa - Empresa GOCILDiretor de RH e Jurídico na Gocil Segurança e Serviços
“Somos Associados ABRH-SP há um ano, as palestras que participamos na ABRH-SP tem nos ajudado a melhorar a gestão junto aos nossos colaboradores e entender que os mesmos são o centro para seguirmos em frente com a nossa companhia, temos muito carinho pela ABRH-SP, obrigado por tudo!”
João Paulo Lopes – Empresa MAZAGGerente de Recursos Humanos Agência Mazag

QUER OBTER CONTEÚDO DE QUALIDADE COM INFORMAÇÃO ATUAL?

WhatsApp Precisa de Ajuda? Fale Conosco!