Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in posts
Search in pages

GESTÃO DE PESSOAS: Diversidade além do discurso

A preocupação com a diversidade é genuína em algumas empresas que acreditam que bons resultados podem ser obtidos quando suas equipes incluem pessoas de raça, etnia, gênero, orientação sexual e idade diferentes, além de portadores de deficiências. É o caso das empresas que já receberam o Selo Paulista de Diversidade, distinção instituída pelo governo do Estado de São Paulo, em 2007, com o objetivo de estimular as organizações públicas, privadas e da sociedade civil a inserir tal assunto na sua gestão de Recursos Humanos.

Na semana passada, a Secretaria do Emprego e das Relações do Trabalho (SERT), coordenadora do programa, homenageou 18 empresas participantes. Seis delas receberam seus respectivos certificados na categoria adesão: BASF, Citibank, Embraer, Fersol, Novartis e Pinheiro Neto Advogados. Tais instituições mostraram o seu compromisso com a questão da diversidade, mas só receberão um novo selo, na categoria Pleno, se comprovarem a execução de projetos e outras iniciativas na área.

“A diversidade é um valor para a BASF e receber o selo, além de representar um reconhecimento, é resultado do trabalho que realizamos no dia a dia, respeitando as pessoas, opiniões e experiências”, afirmou Wagner Brunini, vice-presidente de Recursos Humanos da BASF para a América do Sul e ex-presidente da ABRH-SP. “Para nós, a diversidade está conectada à gestão de pessoas, com intuito de assegurar um ambiente inclusivo, com um trabalho que elabore diagnósticos para asmais diversas áreas, conscientizando a liderança, formando grupos de discussão e engajando os colaboradores com o tema”, completou.

Além das seis, foram homenageadas outras doze empresas certificadas pelo Selo Pleno em 2011: Accenture do Brasil, Associação Comercial de São Paulo, Banco Bradesco, Comgás, Companhia Energética de São Paulo, Grupo Pão de Açúcar, Dow Brasil, Equipalcool Sistemas, Jari Celulose, Kraft Foods Brasil, Sabesp e Veyance Technologies do Brasil. “São organizações que acreditam na importância da diversidade, que não fazem isso pelo reconhecimento que um selo do governo traz ou porque têm de cumprir a lei de cotas para deficientes”, explica a analista do Selo Paulista de Diversidade, Gleice Salgado. Segundo ela, a partir deste evento, a SERT pretende ampliar o número de empresas certificadas. “Vamos realizar um trabalho de conscientização dessas empresas e, em dezembro deste ano, queremos fazer um evento para um número muito maior de empresários”, complementa.

Um dos cases das empresas certificadas é o de inclusão de pessoas com deficiência no quadro de empregados da Comgás. Iniciado em 2004, o programa criou diversas ações: sensibilização para o tema por meio de palestras, cartilha sobre diversidade, teatro etc.; internalização de atividades administrativas realizadas por terceiros por empregados com deficiência; mapeamento de postos de trabalho identificando deficiências plenamente compatíveis com a função a ser exercida; e treinamentos diversos aos profissionais com deficiência como: inglês, etiqueta no ambiente corporativo, Pacote Office, Comunicação Escrita, entre outras.

“Implementamos também o Programa de Apoio aos Profissionais com Deficiência para tratar questões de autoestima e favorecer a inclusão. Em 2009, recebemos o Selo Paulista da Diversidade na categoria Adesão. Em 2010 fomos certificados e recebemos o Selo na  Categoria Pleno e, em 2011, obtivemos a renovação da categoria Pleno após recertificação”, informa a diretora de Recursos Humanos Célia Dutra.

Como ela destaca, também foi realizado o censo da Diversidade e Inclusão “para entender melhor quem somos (idade, sexo, religião, formação, gênero, raça, orientação sexual), além de percebermos o que pensamos em relação a estas e outras diferenças e, com isso, pensarmos em ações para tornar nossa empresa ainda mais inclusiva”.

Página do Estado 24 de Fevereiro de 2013

{module compartilhar}

Comentários

    Deixe uma Resposta

    QUER OBTER CONTEÚDO DE QUALIDADE COM INFORMAÇÃO ATUAL?