Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in posts
Search in pages

TERCEIRO SETOR: Asap pretende estimular empresas na gestão de saúde populacional

Associação sem fins lucrativos, a Aliança para a Saúde Populacional (Asap) foi criada por um grupo de empresas cujo objetivo é reunir instituições que atuem, administrem e interajam, de forma direta ou indireta, com a saúde das populações, fornecendo ferramentas para estratificar e diminuir os riscos de forma sistematizada, dentro de metodologias científicas, com resultados e ganhos comprovados.

A associação busca replicar, no Brasil, a experiência de sucesso nos Estados Unidos com a Care Continuum Alliance (CCA), entidade referencial em indicadores, metodologias e na difusão das melhores práticas em Gestão de Saúde Populacional (GSP).

É fácil entender a importância da Asap, principalmente porque o absenteísmo e o aumento dos custos com planos de saúde são problemas cada vez mais preocupantes. A Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad) de 2008 revelou que cerca de 10,3 milhões de brasileiros em idade ativa (entre 14 e 64 anos) foram afastados do trabalho por conta de doenças.

Considerando esses fatores, a GSP é a resposta ideal para essa questão. “O conceito tem por direcionamento a gestão de saúde das pessoas, ou seja, ajudar os trabalhadores a mudar seu comportamento e tomar medidas efetivas para evitar o desenvolvimento de doenças”, explica Marília Ehl Barbosa, superintendente executiva da entidade.

O trabalho da Asap consiste em compartilhar práticas, padronizar modelos e referenciar metodologia, para que os gestores de RH consigam tomar decisões com base técnica. No último dia 28, a Asap reuniu mais de 200 pessoas para discutir o tema em profundidade, no seu 1º Fórum Internacional, que contou com a participação do presidente da CCA, dr. Frederic Goldstein, e de José Perdomo, head global da Telefônica para e-health.

A Asap, hoje, já conta com várias empresas associadas, dentre elas Telefónica Vivo, Amil, Bradesco Saúde e Sul América.

{module compartilhar}

Comentários

    Deixe uma Resposta

    QUER OBTER CONTEÚDO DE QUALIDADE COM INFORMAÇÃO ATUAL?