Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in posts
Search in pages

McDonald´s apresentou os primeiros contratados por meio do Programa Trabalho Novo, da Prefeitura de SP

Parceira do Programa Trabalho Novo da Prefeitura de São Paulo, que promove a reinserção da população em situação de rua no mercado de trabalho em conjunto com as empresas privadas, a ABRH-SP tem feito a intermediação com a área de Recursos Humanos de organizações que possam aderir a essa iniciativa. Um exemplo foi a aproximação com o McDonald´s. A rede de restaurantes aderiu ao programa e anunciou, no dia 17 de março, a contratação dos primeiros seis moradores que viviam nas ruas da cidade: homens, com idade entre 36 e 44 anos, e escolaridade a partir do ensino fundamental incompleto. O objetivo inicial do McDonald´s é oferecer 100 vagas.

O anúncio foi feito em um dos restaurantes da rede, no Centro da cidade, e contou com a presença do prefeito João Doria e de quatro dos contratados. “Esse programa que nós estamos apresentando agora faz parte da nossa política social de geração de emprego e oportunidades para a população em situação de rua. São 20 mil pessoas nessa condição na cidade de São Paulo”, disse o prefeito, que ressaltou o extraordinário exemplo dado pelo McDonald´s.

Também presente no evento, o presidente da ABRH-SP, Theunis Marinho, convidou as pessoas de bem a participarem do programa: “Nós como brasileiros, que vivemos em uma situação bem melhor que a dos moradores de rua, temos a obrigação moral de ajudá-los não com palavras, mas com atitudes. O Trabalho Novo condiz com o profissional de RH, por isso a ABRH-SP convoca toda a comunidade de Recursos Humanos a participar do programa”.

Ao anunciar as vagas, o presidente da Arcos Dorados Divisão Brasil (operadora do McDonald´s no Brasil e na América Latina), Paulo Camargo, disse que a parceria com a prefeitura de São Paulo é uma das mais ousadas que a rede já fez com o poder público. “Nós atendemos muita gente e precisamos de muita gente para trabalhar. Não poderia ser diferente apoiar uma causa tão nobre. O mais importante é ver o sorriso de volta na face desse brasileiro, que está aqui em São Paulo, mas poderia estar em qualquer lugar do país”, afirmou.

Além de sorriso, orgulho. Foi o que disse um dos contratados, o atendente Fernando Medeiros. “Há 10 dias eu não conseguia olhar ninguém de frente, a autoestima estava tão baixa que eu sentia vergonha. Hoje eu não tenho mais motivos para encarar as pessoas de cabeça baixa.” Também contratado como atendente, Alberto Froes foi taxativo: “Estou pronto para encarar a vida de novo”. Além deles, foram apresentados no evento Marco Antônio Souza Moreira e Marcos Roberto Almeida.

 

Treinamentos

A reinserção dos moradores no mercado de trabalho é feita por etapas. Todos os selecionados passam por uma capacitação socioemocional para se prepararem para o treinamento profissional, com dinâmicas vivenciais realizadas pela ONG Rede Cidadã, especialista em geração de oportunidade de trabalho a pessoas em situação de vulnerabilidade social. Já no McDonald´s, os trabalhadores também passam por um treinamento durante os exercícios de suas funções para que possam seguir carreira dentro da rede. O objetivo é garantir que todos tenham as condições necessárias para completarem seus ciclos de ressocialização.

 

 

 

Fonte: O Estado de São Paulo 26 de Março de 2017

Comentários

    Deixe uma Resposta

    QUER OBTER CONTEÚDO DE QUALIDADE COM INFORMAÇÃO ATUAL?