Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in posts
Search in pages

GRUPO DE ESTUDOS: POR QUE PARTICIPAR?

Reservar um tempo para trocar experiências com profissionais de outras empresas é fundamental para se manter em sintonia com o mercado e os grupos de estudo oferecem mais.

 

Pode escolher a área: Coaching, Remuneração, Desenvolvimento, Cultura, Educação Corporativa, Liderança, Atração e Retenção de Talentos, Desempenho, Relações Trabalhistas e Carreira. Dentro desses grandes temas, em 2014, foram discutidos mais de duzentos subtemas – que são selecionados pelo grupo. 

O clima é de cooperação, entusiasmo e descontração, com foco na disseminação do conhecimento,” explica Ana Maria de Freitas, Diretora Geral dos Grupos de Estudos da ABRH-SP. “O bom humor foi uma das principais características do grupo de Coaching da Metropolitana Oeste. Todos foram muito participativos e contribuíram com conteúdos apresentados com leveza e liberdade nos formatos,“ relata a facilitadora Cassia Verginia de Resende. 

Atenção ao cronograma: os encontros da temporada 2015 serão anunciados ainda este mês e as inscrições são limitadas. “Temos o compromisso com o que há de mais atual e está em evidência no mercado. Os facilitadores – líderes que conduzem os grupos – possuem know-how e expertise para estimular debates e discussões relevantes. São profissionais que atuam em organizações renomadas”, completa a diretora.   

“No nosso grupo, como no geral, encontramos empresários, analistas, gerentes, profissionais de todos os níveis e dos mais diversificados setores da indústria e serviços, com experiências muito complementares. Além da região de Alphaville, havia participantes de Cotia, São Paulo e até Sorocaba. E a assiduidade foi excelente,” relata Cassia Verginia de Resende. 

Para este ano, novos temas serão apresentados com foco no compartilhamento de conteúdos gerados, divulgação dos artigos escritos e maior integração entre os grupos da capital e regionais. O plano é incentivar a elaboração de artigos desde as primeiras reuniões, consolidando propostas. “A produção conjunta de conhecimento, com a colaboração de diferentes fontes, com diferentes trajetórias e pontos de vista amplia os resultados”, arremata Ana Maria de Freitas.

 

Fonte: Folha de Alphaville – 16 de janeiro de 2015

{module compartilhar}

Comentários

    Deixe uma Resposta

    QUER OBTER CONTEÚDO DE QUALIDADE COM INFORMAÇÃO ATUAL?