Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in posts
Search in pages

Aplicativo FindeHR vai conectar o mercado de Recursos Humanos em um único canal

A ABRH-SP tem inovado com o lançamento de produtos, serviços e eventos inéditos para a comunidade de Recursos Humanos. Exemplos recentes são a realização do CONALIFE – 1º Congresso Nacional de Liderança Feminina, o RHSenior e a categoria Premium de associação para Pessoa Jurídica. Agora, a novidade é o aplicativo FindeHR, ferramenta que vai conectar o mercado de Recursos Humanos em um único canal e que será lançada durante o CONARH 2016 – Congresso Nacional sobre Gestão de Pessoas, que começa amanhã.

Mais do que um guia, o aplicativo possibilitará o contato e a troca direta de conhecimento e experiências entre empresas, profissionais e interessados nesse segmento em geral para qualquer país de língua portuguesa. “O grande objetivo do FindeHR é promover a conexão, o debate, a troca de ideias e o crescimento de empresas e profissionais por meio de uma ferramenta de relacionamento que pode gerar negócios e parcerias”, explica João Marcelo Furlan, diretor executivo de Comunicação e Marketing da Associação.

“Trata-se de uma inovação que, definitivamente, sintoniza a ABRH-SP com a modernidade ao atender às novas demandas dos profissionais e fornecedores da área de Recursos Humanos”, avalia o presidente da entidade Theunis Marinho, que destaca a verdadeira construção em equipe, na qual cada envolvido deu sua contribuição decisiva para o projeto: diretores, conselheiros, associados, parceiros e o estafe da ABRH-SP.

Desenvolvido em parceria com a agência D´lucca & Jota Comunicações, o FindHR já está disponível para Android e iOS nas suas respectivas lojas, podendo ser baixado gratuitamente. “Também estamos preparando a versão para desktop da ferramenta, que deverá ser disponibilizada ainda neste ano para garantir que as funcionalidades sejam acessadas em todas as telas e dispositivos”, antecipa Thiago Capodeferro, sócio da D´lucca.

 

Funcionalidades

Uma das funcionalidades do FindeHR é a listagem de empresas prestadoras de serviços de Recursos Humanos. Elas poderão ser encontradas por diferentes filtros de pesquisa: categoria/serviço, localização/região ou busca por palavras-chave. Depois de lançada a primeira versão, a equipe responsável pelo projeto irá recolher os feedbacks a fim de já colocar no mercado uma atualização, com mais ferramentas. Algumas novas features já estão previstas, como a busca também por geolocalização.

Já a área de mentoria, que permitirá que os usuários se cadastrem para receber conteúdo de um seleto grupo de empresas, é um dos principais diferenciais da ferramenta. Os conteúdos poderão ajudar os usuários em suas carreiras, agregando valor não apenas às rotinas profissionais, mas também pessoais.

Para as empresas, que também poderão ser patrocinadoras do FindHR em cinco categorias, o benefício é, além de contribuir por meio de conteúdo relevante para o crescimento do mercado de RH em geral, a abertura de um canal direto com os usuários. Este relacionamento mais próximo poderá gerar negócios ou parcerias no futuro.

Histórico

A ideia de criar um ambiente de negócios para o mercado de Recursos Humanos surgiu no início da gestão anterior quando foi realizada uma pesquisa de branding com os associados. “A partir desse estudo, tivemos a confirmação de que a entidade já não era mais formada na sua maioria por executivos de RH, como nos tempos passados, mas por consultores e fornecedores da área que gostariam de interagir para fazer negócios”, lembra Almiro dos Reis Neto, presidente da ABRH-SP entre 2013 e 2015. “Precisávamos, portanto, de uma mudança de cultura que valorizasse essa demanda importante.”

O primeiro passo nesse sentido foi a criação de um grupo de cultura de business, liderado por Donizetti Moretti, na época vice-presidente da ABRH-SP, com Ely Bisso, CEO da Dorsey Rocha, como facilitador. “Nós tínhamos uma grande preocupação de não transformar a entidade em um balcão de negócios, mas queríamos fazer essa transformação de cultura”, assinala Moretti, que atualmente preside o Conselho Deliberativo.

Foi em uma das reuniões do grupo que surgiu a ideia do aplicativo, apresentada por Roberta Nunes Barbosa, gerente de Regionais da ABRH-SP. “Inicialmente pensávamos na realização de eventos e até na elaboração de um guia, mas essas propostas não tinham nada de novo. Então, no final de um dos nossos encontros, tive esse insight do aplicativo”, conta Roberta.

“A sugestão teve um impacto grande no grupo e foi aprovada pelo Almiro”, recorda Bisso. “Começamos a trabalhar no projeto, que foi evoluindo até a entrada da D´lucca & Jota Comunicações como parceira no desenvolvimento do aplicativo.”

Com a eleição da nova editoria, o projeto, que foi abraçado como prioritário pelo novo presidente, Theunis Marinho, passou a ser coordenado por João Furlan.

O grupo de cultura de business foi formado por Ademir de Souza, Ana Maria de Freitas, Carlos Silva, Daniele Matos, Donizetti Moretti, Ely Bisso, Fernando Lima, Gisele Ramos, Hozana Alves, Inês Restier, João Furlan, Luiz Drouet, Roberta Nunes Barbosa e Vânia de Faria.

 

Fonte: O Estado de São Paulo – 14 de agosto de 2016

QUER OBTER CONTEÚDO DE QUALIDADE COM INFORMAÇÃO ATUAL?