Facebook Pageview

Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content

O protagonismo como agente de mudanças e transformações

Este artigo pretende apresentar um resumo sobre a temática abordada no Grupo de Estudos de Protagonismo da ABRH-SP em 2021. Dentre as competências mais exigidas nos últimos anos pelas modernas organizações e, acelerada pela fase pós-pandêmica, está o comportamento protagonista.

 

Protagonista, aquele que age com protagonismo, vai muito além das definições simplistas dos dicionários, quais sejam: personagem principal de uma apresentação, herói, aquele que tem um papel de maior destaque. Etimologicamente, protagonista deriva de outras duas expressões: “protos” (primeiro) + “agonistes” (lutador, competidor), ou seja, aquele que se coloca de forma ousada para lutar por um ideal e conquistar melhores resultados, utilizando seu pleno potencial.

 

O protagonismo é uma importante competência comportamental, ou seja, tem a ver com a predisposição, com o autoestímulo para se comprometer com entregas de sucesso, principalmente nos ambientes organizacionais, uma vez que protagonistas são pessoas conscientes de seus papéis na sociedade e em suas vidas.

 

Em nossos encontros, discutimos a relevância do tema nos tempos atuais, buscamos nos debruçar sobre o perfil protagonista e a importância desse comportamento no mundo empresarial e neste cenário de intensas mudanças. Dessa forma, os temas específicos abordados, foram:

 

  • O que é? Tratamos do surgimento desse comportamento, suas características e do desenvolvimento de ações protagonistas durante nossos encontros.
  • Medo do sucesso. Apresentamos como os seres humanos são dominados pela relação de fracasso, no qual acabam perdendo excelentes oportunidades por não conseguirem superar o medo do sucesso.
  • Impacto do autoconhecimento no protagonismo. Refletimos sobre o autoconhecimento, ou seja, cada indivíduo permitiu analisar, reconhecer e direcionar seu projeto de vida conforme seu propósito.
  • Protagonismo em situação limite. Através da apresentação do vídeo sobre a Lendária Expedição Antártica de Shackleton, tivemos a oportunidade de analisar o quanto cada ser humano está disposto a enfrentar dimensões desafiadoras em sua vida.
  • Protagonismo no Esporte & Solidarismo. Compartilhamos experiências de recordistas brasileiras no esporte e seus momentos de dedicação e superação de inúmeros desafios, inclusive aprendemos muito com esses atletas medalhistas paralímpicos. Também apresentamos instituições vinculadas ao esporte que promovem projetos para pessoas com vulnerabilidade social.
  • Pensar, sentir e agir como protagonista. Neste último encontro, a intenção era refletir sobre nossas atitudes diante do cenário atual, ou seja, colocar em prática o desenvolvimento do processo mental (cognitivo-afetivo-emocional) e promover o equilíbrio dessas esferas para que o processo de protagonizar nos possibilite a atuação como agente de mudanças e transformações de sucesso.

 

Assim, foi observado durante as reuniões do Grupo de Estudo, nas diferentes dimensões e cenários, que o mundo urge por protagonistas, aqui compreendido como muito mais do que alguém com iniciativa, mas, com “acabativa”. Neologismo criado por Sthepen Kanitz para sinalizar a qualidade que os protagonistas têm em iniciar algo e imprimir velocidade em vê-lo terminado com excelência.

 

Então, durante o caminho, nos aprimoramos, nos ressignificamos e buscamos imprimir uma nova tônica, em que cada vez mais possamos efetiva e eficazmente agir no mundo como protagonistas, quer seja na vida pessoal, quer seja na vida profissional. Convidamos você a fazer parte desta jornada evolutiva.

 

Por Lucia Helena Cordeiro, Marcelo Tambara e Renata Meira Saiotti Ferreira, facilitadores e integrante do Grupo de Estudos de Protagonismo

 

São Paulo, 03 de Janeiro de 2022

Depoimentos

“A ABRH-SP atua como uma verdadeira usina geradora de inovações ao promover o compartilhamento de boas práticas de gestão e conceitos de RH entre os associados. Para nós da Sanofi, este trabalho é de enorme valor, pois nos ajuda a posicionar o RH de forma estratégica dentro da companhia.”
Pedro Pittella – Empresa SANOFIHead of Human Resources Sanofi Group Brazil
"Fazer parte da ABRH-SP está sendo muito bom, pois trouxe a oportunidade de acompanhar as novidades e trocar experiências com diversos executivos de RH, isto traz muito valor agregado"
Marcos Sousa - Empresa GOCILDiretor de RH e Jurídico na Gocil Segurança e Serviços

QUER OBTER CONTEÚDO DE QUALIDADE COM INFORMAÇÃO ATUAL?

WhatsApp Precisa de Ajuda? Fale Conosco!