Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in posts
Search in pages

Parcerias da Fidagh têm como foco a transmissão de conhecimento

Presidente da Fidagh – Federação Interamericana de Associações de Gestão Humana desde 2015, Leyla Nascimento tem dado ênfase, na sua gestão, à transmissão de conhecimento dos cenários globais na área de Recursos Humanos e ao fortalecimento das competências necessárias para melhoria da atuação dos profissionais de RH latino-americanos. “Em nossa gestão 2015-2017, formalizamos parcerias para aplicação de pesquisas que possam gerar indicadores, por exemplo com a empresa do Panamá, Transiciones, para identificar as competências que devem caracterizar a gestão atual dos líderes de RH. Outra pesquisa muito interessante identificou as melhores práticas em gestão de performance e os obstáculos ao desempenho na América Latina, realizada em parceria com a Micropower, uma empresa brasileira”, lembra Leyla. Ela também destaca a parceria estabelecida com a OIT – Organização Internacional do Trabalho, através do Cinterfor – Centro Interamericano para el Desarrollo del Conocimiento en la Formación Profesional, para tratar da questão do trabalho justo e qualitativo na América Latina. “A partir desse convênio teremos assento naquela organização e a possibilidade de intercâmbio de projetos que beneficiem os profissionais em nosso continente.” Recentemente, em 30 de março, em Buenos Aires, foram assinados dois convênios. O primeiro com a Universidade Politécnica da Catalunha para o compartilhamento de conhecimento sobre gestão de pessoas com a universidade, que deseja incluir disciplinas da área em seus cursos técnicos. O outro com a OISS – Organización Iberoamericana de Seguridad Social, organismo técnico especializado em seguridade social e proteção social que desenvolve suas atividades em todos os países ibero-americanos de língua espanhola e portuguesa. “O objetivo é promovermos juntos ações de capacitação, intercâmbio de experiências, boas práticas e desenvolvimento de tecnologias da gestão no que tange aos recursos humanos”, explica Leyla. Fundada em 1963, a Fidagh tem atualmente 15 países afiliados, cada um deles representado por suas Associações Nacionais de Recursos Humanos: Argentina, Bolívia, Brasil, Chile, Colômbia, Costa Rica, Equador, Guatemala, Haiti, Nicarágua, Panamá, Peru, República Dominicana, Uruguai e Venezuela.   Fonte: O Estado de São Paulo, 24 de abril de 2017

QUER OBTER CONTEÚDO DE QUALIDADE COM INFORMAÇÃO ATUAL?