Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in posts
Search in pages

Contra o assédio sexual no trabalho

Além de ser crime, o assédio sexual viola normas das relações de trabalho e direitos fundamentais dos profissionais e, por esse motivo, é combatido e investigado pelo Ministério Público do Trabalho (MPT). E é com o objetivo de conscientizar trabalhadores e empresas a respeito dessa prática que o próprio MPT e a Organização Internacional do Trabalho (OIT) se uniram para lançar uma série de vídeos. Com o mote “Guarde as provas, não se cale, denuncie!”, a campanha aborda, por exemplo, a diferença entre paquera e assédio sexual, o que pode acontecer com quem tem esse tipo de atitude e como prevenir, denunciar e provar o assédio. A série pode ser conferida no canal da Procuradoria Geral do Trabalho no YouTube: mptpgt.

Fonte: O Estado de São Paulo, 14 de Fevereiro de 2018.

Depoimentos

“A ABRH-SP atua como uma verdadeira usina geradora de inovações ao promover o compartilhamento de boas práticas de gestão e conceitos de RH entre os associados. Para nós da Sanofi, este trabalho é de enorme valor, pois nos ajuda a posicionar o RH de forma estratégica dentro da companhia.”
Pedro Pittella – Empresa SANOFIHead of Human Resources Sanofi Group Brazil
"Fazer parte da ABRH-SP está sendo muito bom, pois trouxe a oportunidade de acompanhar as novidades e trocar experiências com diversos executivos de RH, isto traz muito valor agregado"
Marcos Sousa - Empresa GOCILDiretor de RH e Jurídico na Gocil Segurança e Serviços
“Somos Associados ABRH-SP há um ano, as palestras que participamos na ABRH-SP tem nos ajudado a melhorar a gestão junto aos nossos colaboradores e entender que os mesmos são o centro para seguirmos em frente com a nossa companhia, temos muito carinho pela ABRH-SP, obrigado por tudo!”
João Paulo Lopes – Empresa MAZAGGerente de Recursos Humanos Agência Mazag

QUER OBTER CONTEÚDO DE QUALIDADE COM INFORMAÇÃO ATUAL?

WhatsApp Precisa de Ajuda? Fale Conosco!