Como sobreviver em meio à crise brasileira?

Especialistas da IBE/FGV dá dicas aos profissionais em tempos de crise

A crise instalada na economia do país afetou diversos segmentos. Reflexo dessa situação está nas inúmeras demissões que aconteceram e continuam acontecendo. Empresários e funcionários estão em meio a uma situação de risco e novas estratégias começaram a ser pensadas para driblar o problema.

Muitas empresas demitem bons profissionais para reduzir custos, visando a sobrevivência. Segundo o professor de RH, Gestão de Pessoas, Liderança e Coaching Executivo da IBE-FGV, Vagner Sandoval, os funcionários que se mantêm atualizados, que jogam em várias posições e funções, que superam os resultados esperados pela organização e estão alinhados como os valores e práticas da empresa são os que têm mais condições de prolongar a longevidade na organização nesse período.

Ainda segundo o especialista, mudar de emprego durante a crise deve ser algo muito bem pensando e o funcionário deve enxergar vantagens na nova contratação. “Se a troca de emprego for para uma árvore que está resistindo melhorar ao temporal, é válido, caso contrário, não vai adiantar pular de árvore”.

O empreendedorismo também se tornou uma nova saída para algumas pessoas, porém abrir um novo negócio na atual recessão econômica é uma decisão que deve ser analisada com muito critério e cuidado. Durante a crise, o acesso ao crédito e ao financiamento é reduzido, o poder de consumo da população diminui e a inadimplência aumenta. Estes são alguns fatores que devem ser levados em consideração antes de abrir o próprio negócio.

 

Dicas do RH

Durante a crise, algumas atitudes simples do cotidiano podem fazer toda a diferença dentro de uma organização:

– Seja mais eficiente; faça mais com menos, ou seja, faça as atividades de forma mais otimizada usando menos tempo e menos recursos;

– Atualize-se, inove e supere os resultados

 Fonte: Correio Popular Campinas – 31 de maio de 2015

Depoimentos

“A ABRH-SP atua como uma verdadeira usina geradora de inovações ao promover o compartilhamento de boas práticas de gestão e conceitos de RH entre os associados. Para nós da Sanofi, este trabalho é de enorme valor, pois nos ajuda a posicionar o RH de forma estratégica dentro da companhia.”
Pedro Pittella – Empresa SANOFIHead of Human Resources Sanofi Group Brazil
"Fazer parte da ABRH-SP está sendo muito bom, pois trouxe a oportunidade de acompanhar as novidades e trocar experiências com diversos executivos de RH, isto traz muito valor agregado"
Marcos Sousa - Empresa GOCILDiretor de RH e Jurídico na Gocil Segurança e Serviços
“Somos Associados ABRH-SP há um ano, as palestras que participamos na ABRH-SP tem nos ajudado a melhorar a gestão junto aos nossos colaboradores e entender que os mesmos são o centro para seguirmos em frente com a nossa companhia, temos muito carinho pela ABRH-SP, obrigado por tudo!”
João Paulo Lopes – Empresa MAZAGGerente de Recursos Humanos Agência Mazag

QUER OBTER CONTEÚDO DE QUALIDADE COM INFORMAÇÃO ATUAL?

WhatsApp Precisa de Ajuda? Fale Conosco!