Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in posts
Search in pages

ABRH-SP apresentou sua nova Diretoria Executiva para a comunidade de RH

Na última segunda-feira, a Casa Itaim, na capital paulista, foi palco do evento de apresentação da nova Diretoria Executiva da ABRH-SP, que estará à frente da gestão da entidade entre 2019 e 2021. Cerca de 300 pessoas participaram do evento, que celebrou também o lançamento do livro Histórias do RH no Brasil, editado pela própria ABRH-SP.

 Atual presidente da Associação, Theunis Marinho chamou ao palco a diretoria da entidade – composta por Lilian Guimarães (vice-presidente), Carlos Silva, Edna Bedani, Ely Bisso, Fernando Lima, Guilherme Cavalieri e Luiz Drouet  – para fazer um breve balanço das realizações do triênio. “Ninguém faz nada sozinho”, ressaltou Theunis.

“Há três anos, no evento de posse da diretoria atual, eu disse que o nosso palco parecia um porto com um navio prestes a partir. Esse navio atravessou, nestes  últimos anos, águas revoltas e calmas, enfrentou sol e chuva, e está aqui novamente esperando o novo presidente, que, com o seu time, vai tocar os próximos três anos”, disse Theunis.

Ele ainda destacou que, em comparação com dezembro de 2015, a receita financeira da entidade foi aumentada em 84%, lembrando que a ABRH-SP tem a obrigação de reverter 100% dos seus recursos para os associados. “Gosto muito de uma frase do escritor e filósofo alemão Goethe, que diz: ‘Vamos sonhar grande, pois os sonhos pequenos não mobilizam os corações das pessoas’.”

Em nome de todos os conselheiros da atual gestão, o presidente do Conselho Deliberativo, Donizetti Moretti, disse que a ABRH-SP tem se empenhado continuamente para a evolução de sua forma de representação dos associados. “Para prosseguirmos assim, zelamos pela governança da entidade.” Ele citou como exemplo a realização anual de uma auditoria independente sempre acompanhada pelo Conselho Fiscal.

Presidente eleito, Guilherme Cavalieri falou da honra e da responsabilidade de iniciar essa jornada, agradeceu a Theunis Marinho pelo convite e a confiança, e aos associados que votaram na chapa. Ele também apresentou os integrantes da nova diretoria – a vice-presidente Maria Susana de Souza e os diretores Carlos Silva, Claudia Meirelles, Charles Lukower, Edna Bedani, Lia Azevedo e Luiz Eduardo Drouet –, destacou a importância das sete Regionais da entidade e agradeceu o apoio da equipe de funcionários da ABRH-SP.

“Essa diretoria vai se dedicar de maneira profunda a entender o impacto da transformação digital nas empresas, a nova atuação dos profissionais de RH nesse novo mundo e as consequências para os trabalhadores de uma maneira mais ampla”, disse Guilherme, que fez um apelo a todos os presentes: “Não podemos fechar os olhos para os 14 milhões de desempregados deste país. Temos uma responsabilidade social que não pode ser esquecida diante desse fato. Faço um convite para que todos nós possamos influenciar as políticas públicas e a gestão das empresas públicas e privadas a atuarem de maneira responsável na geração de trabalho e renda”.

Fonte: Jornal O Estado de São Paulo, 11 de novembro de 2018.11

Livro registra as Histórias do RH no Brasil

Lançado pela ABRH-SP como um legado da gestão atual da entidade, o livro Histórias do RH no Brasil registra a trajetória da gestão de pessoas do Período Colonial até a atualidade. Os principais acontecimentos históricos que influenciaram a evolução da área estão presentes na obra, como a criação da CLT – Consolidação das Leis do Trabalho, a chegada das multinacionais ao país, a ampla abertura ao mercado externo, entre tantos outros.

Além de mostrar a evolução da gestão de pessoas, da sua fase mais legalista e burocrática até o período atual, de maior influência nas questões do negócio, o livro conta a história da ABRH-SP desde a sua fundação em 15 de março de 1965, mostrando como essa trajetória espelha o crescimento da área.

Organizado e coordenado por Theunis Marinho, presidente da ABRH-SP, Histórias do RH no Brasil foi escrito e editado pela jornalista Loraine Calza, com o projeto gráfico e a edição de arte de Varnei Rodrigues. A obra foi realizada com o apoio do Estadão, que disponibilizou o livre acesso ao seu conteúdo e acervo de fotos, e o patrocínio das empresas parceiras: RaiaDrogasil, A.C. Camargo Cancer Center, Aon, Grupo Meta RH e Serasa Experian.

O livro já está disponível para download gratuito no endereço: http://bit.ly/abrhspebook

 

REPERCUSSÃO

“No Brasil, até as décadas de 1960 e 1970, as grandes empresas possuíam departamento de pessoal, cuja função se reduzia à vigilância e punição dos empregados. O advento das multinacionais, com milhares de trabalhadores representados por combativos sindicatos, demonstrou ser necessário o desenvolvimento do RH, confiado a profissionais especializados em relações humanas. O livro resgata e documenta, de maneira metódica essa história.” Almir Pazianotto Pinto, ex-ministro do Trabalho e ex-presidente do Tribunal Superior do Trabalho.

“A iniciativa da ABRH-SP cobre uma grande lacuna na literatura sobre a gestão de pessoas no Brasil, oferecendo uma contribuição importante acerca da evolução da gestão de pessoas organizada e contextualizada ao redor dos períodos de nossa história. Esse é um grande legado para pesquisadores e profissionais que atuam na área.” – professor Joel Dutra (FEA/USP)

“O livro traz um resgate da importância dos profissionais de Recursos Humanos ao longo da história de nosso país. É um orgulho ver o protagonismo da ABRH nessa trajetória e a ABRH-SP sendo líder dessas transformações.” – Leyla Nascimento, presidente da WFPMA – World Federation of People Management Associations

 “O livro cumpre um papel fundamental na historiografia da Administração no Brasil. Um livro bonito, organizado de acordo com as principais fases do desenvolvimento do país, e que mostra o papel essencial da área de RH para o crescimento das empresas e para a qualidade de vida dos trabalhadores. Com fotos de época e depoimentos relevantes, é precioso tanto para praticantes como para pesquisadores.” – professora Maria José Tonelli (FGV/EAESP)

“A obra será um manancial obrigatório para estudiosos, mestrandos, doutorandos e para os jovens que se interessarem por essa área. Capa, diagramação, tipologia, ilustrações testemunham o itinerário da área de RH – tudo em nível internacional.” – Nelson Savioli, consultor

 “Além de apresentar a evolução do RH no país, o livro aponta para a necessidade que a área tem de continuar inovando sempre para enfrentar os desafios que surgem, como, agora, saber lidar com as consequências da automação de tarefas e da presença da Inteligência Artificial no mundo do trabalho.” – Theunis Marinho, presidente da ABRH-SP

Fonte: Jornal O Estado de São Paulo, 11 de novembro de 2018.

Por um RH mais ágil

O uso crescente das metodologias ágeis nas empresas é um dos reflexos da transformação digital, que impõe uma nova maneira de atuar – com mais atenção no cliente –, necessidade de respostas rápidas e inovação constante para se destacar. Isso sem falar nas novas demandas dos profissionais por mais liberdade e autonomia.

Leia Mais

Pesquisa: Compliance ainda é utopia nas empresas

Embora conheçam as ferramentas para implantar um programa de compliance, as empresas ainda falham no mapeamento de riscos a que estão expostas, segundo a 4ª Pesquisa Nível de Maturidade em Compliance, organizada pela consultoria Protiviti. Das 446 organizações participantes, 46% nunca fizeram esse mapeamento, base para a efetividade e eficiência dos programas.

Leia Mais

Confira os novos vídeos disponíveis no RH CONECTA

A especialista em Comunicação Sabrina Mello, com formação internacional em Comunicação Não Violenta (CNV) pelo Instituto Marshall Rosenberg, do Colorado (EUA), estreou no RH CONECTA – plataforma de conhecimento on-line da ABRH-SP – com o vídeo sobre Comunicação Não Violenta. Nele, Sabrina fala sobre a importância do mindfulness e da escuta empática como ferramentas para aplicação da CNV, além de analisar o impacto da comunicação não verbal.

Leia Mais

Mapeamento de carreira será tema de workshop

Possibilitar aos participantes definir as melhores estratégias de carreira e planejar os próximos passos para alcance dos objetivos de curto, médio e longo prazos é o objetivo do workshop “Mapeamento de Carreira”, que a ABRH-SP realiza em 28 de novembro, das 8 às 13 horas, na sua sede, na capital paulista.

Leia Mais

Luz no final do túnel!

Com as eleições do último domingo, essa etapa do papel democrático está cumprida. Neste momento, há de se direcionar o nosso pensar e agir com elevado espírito contributivo e positivismo. Este talvez seja o único “ismo” que se espera. Agir positivamente acreditando que, com a união de todos, sim, podemos!

Leia Mais

QUER OBTER CONTEÚDO DE QUALIDADE COM INFORMAÇÃO ATUAL?